quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Frango do Campo Acerejado com Arroz Tostado

E mais um Natal se passou e um Novo Ano se aproxima! E ainda em espírito de festa, muita comida, muita bebida, muitos petiscos e muitos doces (o mês de Dezembro é terrível), deixo hoje aqui a minha sugestão para juntar a família à mesa de Ano Novo com sabores tradicionais e muito portugueses! Mais uma receita das seleccionadas este ano n' A Mesa dos Portugueses e que mereceu os melhores elogios por parte da equipa de jurados! "É simplesmente Portugal à mesa! Uma receita muito bem conseguida!" Assim foi o feedback dado pelos júris e que me deixaram bastante orgulhosa e com vontade de continuar a fazer aquilo de que realmente gosto! Desejo a todos um óptimo 2016 e que o Novo Ano consiga ser melhor ou pelo menos igual ao Ano que irá passar! BOM ANO E BOAS FESTAS!


INGREDIENTES (6 PESSOAS)
1 Frango do campo em pedaços (com pele)
2 Cebolas
1 Cabeça de Alho
2 Copos de Vinho branco
1 Cálice de Whisky
½ Chouriço de carne regional
½ Chouriço preto regional
2 Canecas de Arroz carolino
Pimenta preta em grão
Sal e Azeite

PREPARAÇÃO
Coloque os pedaços de frango num tacho com uma cebola cortada em 4, metade dos dentes de alho esmagados, o vinho branco, o whisky, as metades dos chouriços inteiras, alguns grãos de pimenta e uma pitada de sal. Acrescente água até cobrir a carne, leve ao lume e deixe cozinhar até a carne estar tenra. Retire o frango do caldo e separe as partes boas para acerejar (pernas, coxas, peito e asas) das partes com mais ossos. Desfie estas últimas, retirando peles e ossos e reserve. Retire também os chouriços do caldo, cortando o chouriço preto em cubos e o de carne em rodelas. Reserve. Passe o caldo da cozedura do frango com a varinha mágica e reserve. Regue o fundo de uma frigideira com azeite e core os pedaços de frango reservados, de ambos os lados. Reserve. Pique finamente a outra cebola e os restantes dentes de alho e refogue num fio de azeite. Junte o arroz, envolva e deixe fritar por alguns instantes. Adicione 5 canecas do caldo do frango reservado, compensando com água se for necessário. Deixe cozinhar tapado em lume brando, mexendo ocasionalmente, até o arroz estar macio. A meio da cozedura, junte o chouriço preto e o frango desfiado, aproveitando para acertar o sal. Transfira o arroz para uma assadeira e alise a superfície com as costas de uma colher. Disponha os pedaços de frango acerejados sobre o arroz e distribua as rodelas de chouriço de carne. Leve ao forno pré-aquecido a 180º durante cerca de 30 minutos. Sirva com uma salada de alface e agrião com coentros e azeitonas.

segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Frigineco de Polvo à Algarvia



E para terminar as sugestões de Natal, deixo-vos hoje aqui um pequeno grande miminho! Algo simples e muito especial! Sabores da minha infância para encantar este Natal! Afinal o Natal é tempo de boas recordações, juntar a família, tradição e grandes sabores à mesa! Sabores que trazem nostalgia e saudade, sabores da minha linda Costa Vicentina, sabores do mar e da serra! Sabores que dão vontade de voltar atrás no tempo e sentir o gosto daquela comida de infância, sabores que dão alegria e que colocam aquele sorriso na cara... E é neste estado de espírito que desejo a todos um Feliz Natal, recheado de coisas boas, muitas prendas no sapatinho, belos sabores na mesa, muita saúde, amor, carinho e compreensão! Mas principalmente, que o festejem com quem mais amam, pois o Natal é isso mesmo, partilhar o que de melhor existe com as pessoas que mais amamos! FELIZ NATAL E BOAS FESTAS!


Frigineco de Polvo à Algarvia

INGREDIENTES (4 PESSOAS)
1 Polvo da rocha (1,2Kg/1,5Kg)
4 Dentes de Alho esmagados
½ Chouriço de carne regional
4 Tiras de Toucinho de porco

PREPARAÇÃO 
Escorra muito bem o polvo e corte em pedaços com cerca de 4cm. Reserve. Corte o chouriço em rodelas grossas e toste-as de ambos os lados numa frigideira quente. Retire e reserve. Na mesma frigideira, frite as tiras de toucinho de ambos os lados, até dourarem. Retire e reserve. Aproveitando a gordura que ficou na frigideira, junte os alhos e os pedaços de polvo, envolva e deixe cozinhar em lume forte, mexendo frequentemente, até o polvo estar caramelizado e o molho bem reduzido. É muito importante utilizar um polvo da rocha com o peso certo, para que este fique tenro, suculento e com a tonalidade certa para este prato. Disponha o polvo, o chouriço e os torresmos de toucinho num prato de servir e acompanhe com um bom pão fresco e uma salada de pimento assado com coentros.

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Pastéis de Bacalhau






Mais uma receitinha do receituário tradicional português que tem de marcar lugar na mesa de Natal! Presença obrigatória e conhecido por todos, o pastel de bacalhau faz as delícias para começar uma refeição em grande! Aqui fica a receita e a sugestão!

 
Pastéis de Bacalhau
 
INGREDIENTES
500g de Bacalhau demolhado (desfiado finamente e cru)
200g de Batata
½ Cebola
3 Dentes de Alho
Salsa
2 Ovos
Sal e Pimenta preta

PREPARAÇÃO
Coza as batatas previamente descascadas em água com sal. Escorra e esmague as batatas com um garfo. Deite numa vasilha e junte a cebola, os alhos e a salsa finamente picados. Acrescente o bacalhau, os ovos e tempere com sal e pimenta moída na hora. Envolva os ingredientes até obter uma mistura homogénea. Com a ajuda de 2 colheres de sopa, molde os pastéis de bacalhau. Neste ponto, pode optar por fritar os pastéis em óleo bem quente ou congelar os pastéis para consumir mais tarde. Para isso, disponha-os num tabuleiro e leve ao congelador. Depois de congelados coloque os pastéis em sacos e conserve no congelador. Na altura de consumir, frite os pastéis ainda congelados.

sábado, 12 de dezembro de 2015

Pudim de Abóbora

Mais uma sobremesa que cheira a Natal, sabe a Natal e é simplesmente o Natal na mesa! Vai ficar lindo na mesa de doçaria o que acham?! Um pudim sabe sempre bem e se for especial ainda sabe melhor!


INGREDIENTES
500g de Abóbora manteiga
50g de Manteiga
50g de Coco ralado
1 Colher (sopa) de Amido de milho
300g de Açúcar
3 Ovos
1 Pau de canela
Sal
Caramelo líquido
Nozes

PREPARAÇÃO
Corte a abóbora em pedaços e leve ao lume a cozer em água com uma pitada de sal e o pau de canela. Escorra bem e reduza a puré com a ajuda de um garfo. Adicione a manteiga derretida, o coco ralado, o amido de milho, o açúcar e os ovos. Mexa bem e verta numa forma redonda sem chaminé previamente untada com caramelo. Leve ao forno pré-aquecido a 180º, em banho-maria, durante cerca de 45 minutos. Retire do forno e deixe arrefecer por completo. Desenforme o pudim e decore com coco ralado e nozes e picadas.

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Arroz de Frango do Campo à Alentejana

Mais uma sugestão para fazer um sucesso nos jantares de Natal ou até mesmo no grande dia de Natal! Isso fica ao critério de cada um! Uma receita alentejana que faz furor na mesa! Não deixem de experimentar, pois vai valer a pena!


INGREDIENTES (6 PESSOAS)
1 Frango do campo em pedaços
1 Cebola
4 Dentes de Alho esmagados
1 Chouriço de carne regional
1 Caneca de Vinho branco
1 Caneca de Vinho tinto
1 Caneca de Cerveja
1 Cálice de Whisky
200g de Bacon fumado fatiado
2 Canecas de Arroz carolino
Sal e Pimenta preta

PREPARAÇÃO
Coloque os pedaços de frango numa panela e junte a cebola cortada em 4, os dentes de alho, o chouriço inteiro, os vinhos, a cerveja e o whisky. Tempere com sal e pimenta, leve ao lume e deixe cozinhar em lume brando até a carne estar tenra e a separar-se do osso. Retire o frango e o chouriço do tacho e passe o caldo da cozedura com a varinha mágica. Reserve. Desfie o frango, retirando peles e ossos. Reserve. Corte metade do chouriço em rodelas e a outra metade em cubos. Reserve. Forre o fundo de uma assadeira com as tiras de bacon e cubra com uma caneca de arroz. Espalhe a carne desfiada e o chouriço em cubos e cubra com outra caneca de arroz. Regue tudo com 4 canecas do caldo reservado e leve ao forno pré-aquecido a 200º durante cerca de 45 minutos. Passado esse tempo, distribua as rodelas de chouriço sobre o arroz e leve novamente ao forno por mais 10 minutos. Deixe repousar alguns instantes antes de servir. Acompanhe com uma salada alentejana de alface com coentros (ver receita).

terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Queques de Abóbora e Noz




Hoje temos um miminho para a mesa de doces! Um pequeno bolinho simplesmente divinal! Cheira a Natal, sabe a Natal, ... mais uma linda receita de Jamie Oliver que encantou! Esta simples junção de ingredientes resulta num queque muito fofo e aromático que faz as delícias dos miúdos e graúdos! Um pequeno bolinho repleto de ingredientes que fazem lembrar o Natal! A canela, a abóbora, as nozes, as clementinas, ... já cheira bem! Acho que a época festiva é a melhor altura para a partilhar convosco, pois nunca é demais mais um docinho na mesa natalícia!


Queques de Abóbora e Noz

INGREDIENTES (30 QUEQUES)
400g de Abóbora manteiga
400g de Açúcar mascavado
4 Ovos
300g de Farinha
2 Colheres (chá) de Fermento em pó
1 Colher (chá) de Canela em pó
1 Punhado de Nozes
175ml de Azeite
1 Pitada de Sal

COBERTURA
300g de Iogurte grego natural
2 Colheres (sopa) de Mel
½ Colher (chá) de Extrato de baunilha
Raspa de Limão Raspa de Clementina

PREPARAÇÃO
No processador de alimentos, triture a abóbora previamente cortada em pedaços. Junte o açúcar, os ovos, a farinha, o fermento, a canela, as nozes, o azeite e o sal e triture até obter uma mistura lisa e homogénea. Distribua forminhas de papel num tabuleiro com formas para queques e encha ¾ de cada forma com o preparado anterior. Leve ao forno pré-aquecido a 180º durante 20 minutos. Enquanto isso, prepare a cobertura. Misture o iogurte, o mel e a baunilha. Envolva algumas raspas de limão e clementina a gosto e reserve no frio. Retire os queques do forno e deixe arrefecer. Depois de frios, cubra cada um com uma colherada da mistura de iogurte. Disponha-os numa travessa e decore com raspas de clementina.


NOTA 
A massa pode ser conservada no frio até à próxima fornada.

domingo, 6 de dezembro de 2015

Bacalhau Assado em Molho de Feijão

E como Natal rima com Bacalhau, não podia faltar uma sugestão para cozinhar este nosso fiel amigo! Desta vez, uma sugestão totalmente da minha autoria, uma das receitas que foi seleccionada e degustada n' A Mesa dos Portugueses este ano! Como tinha prometido publicar a receita em breve, nada melhor do que partilhá-la com vocês a poucos dias do Natal! O resultado é um bacalhau assado na perfeição, a lascar, numa feijoada muito bem apurada, com a doçura da batata doce a contrastar com o toque salgado do bacalhau e o chouriço regional a abrir o apetite para todo este casamento! Mar e terra à mesa na noite de Natal! Parece-me bastante bem!


INGREDIENTES (4 PESSOAS) 
4 Postas de Bacalhau demolhado
300g de Feijão encarnado seco
1 Cebola picada
4 Dentes de Alho picados
2 Cenouras picadas
400g de Tomate pelado
2 Colheres (sopa) de Polpa de tomate
50ml de Vinho branco
1 Batata doce
1 Chouriço de carne regional
2 Folhas de Louro
1 Ramo de Tomilho
Sal, Azeite e Pimenta preta
Coentros

PREPARAÇÃO
Coloque o feijão a demolhar por cerca de 12 horas. Escorra, coloque-o na panela de pressão e junte o chouriço inteiro, as folhas de louro e o ramo de tomilho. Cubra com água e cozinhe por 20 minutos, depois de levantada a fervura. Passado esse tempo, retire a pressão e verifique se o feijão está cozido. Retire o chouriço e corte-o em rodelas. Reserve o feijão com o caldo da cozedura e retire o louro e o tomilho. Regue o fundo de um tacho com azeite e refogue a cebola, os alhos e as cenouras. Junte os tomates picados, a polpa de tomate, o vinho, tempere com sal e pimenta e deixe apurar. Adicione um pouco do caldo da cozedura e, quando iniciar fervura, acrescente a batata doce cortada em pequenos cubos. Deixe cozinhar até a batata estar tenra, mas firme. Junte o feijão, envolva e cozinhe tapado em lume brando, mexendo ocasionalmente. À medida que o molho apura, acrescente algumas conchas do caldo reservado, até os ingredientes estarem bem ligados. Aproveite para acertar o sal. Entretanto, corte as postas de bacalhau em tranches mais pequenas e disponha-as numa assadeira untada com azeite. Verta o molho de feijão ainda quente sobre o bacalhau e distribua as rodelas de chouriço. Leve ao forno pré-aquecido a 200º durante cerca de 25 minutos. Retire, guarneça com folhas de coentros e sirva com uma salada de folhas verdes.

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Bolachinhas de Parmesão

E como o Natal é sinónimo de mesa cheia, farta e variada, não se pode dispensar uma linda tábua de queijos no centro da mesa! Para essa tábua ser diferente, que tal umas bolachinhas especiais feitas exclusivamente de queijo, para dar aquele toque final e surpreendente que faltava?! Ainda por cima, super fáceis de fazer, o que nesta altura atarefada vem mesmo a calhar! Miminhos simples e rápidos para chamar a atenção para a mesa de Natal! Haverá melhor?!

INGREDIENTES (28 BOLACHINHAS)
200g de Queijo parmesão
Orégãos

PREPARAÇÃO
Rale o parmesão grosseiramente e disponha pequenos montinhos de queijo numa assadeira forrada com papel vegetal (deixando algum espaço entre eles). Polvilhe cada montinho com orégãos e leve ao forno pré-aquecido a 200º durante 10 a 15 minutos, até o queijo derreter e começar a borbulhar. Retire do forno e deixe arrefecer antes de retirar as bolachas do papel. Depois de solidificarem, retire-as cuidadosamente e sirva de entrada, um simples petisco ou numa tábua de queijos.

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Lulas Recheadas em Molho de Tomate

Hoje vamos para a categoria de Peixe e Marisco com um prato conhecido por todos! Uma receita apreciada por muitos e com inúmeras formas diferentes de confecção! Hoje trago a "minha versão" e como fazemos cá por casa! É um óptimo prato para apresentar num jantar de Natal entre amigos, até porque por terras algarvias, em muitas casas existe o costume de comer lulas recheadas em épocas festivas! O conselho que eu deixo é que utilizem lulas frescas, vão notar claramente a diferença no resultado final!

INGREDIENTES (4 PESSOAS)
1Kg de Lulas frescas
½ Chouriço de carne regional
1 Cebola
2 Dentes de Alho
1 Cenoura
½ Pimento vermelho
4 Colheres (sopa) de Arroz carolino
3 Colheres (sopa) de Polpa de tomate
Azeite, Sal e Pimenta preta
Coentros

MOLHO DE TOMATE
1 Cebola picada
2 Dentes de Alho picados
600g de Tomate maduro
100ml de Vinho branco
Azeite, Sal e Pimenta preta

PREPARAÇÃO
Limpe as lulas e reserve as cabeças, as ovas (caso estejam ovadas) e as asas. Num robô de cozinha, coloque a cebola, os alhos, a cenoura, o pimento e o chouriço. Triture tudo grosseiramente e refogue num fio de azeite. Entretanto, pique as partes reservadas das lulas e junte ao refogado. Tempere com sal e pimenta e cozinhe até o molho reduzir. Junte o arroz cru e frite alguns instantes até este absorver todos os sucos. Acrescente a polpa de tomate e acerte o sal. Retire do lume, recheie as lulas com este preparado e feche-as com um palito. Depois de recheadas, pique-as com um palito e reserve. No mesmo tacho onde cozinhou o recheio, comece a preparar o molho de tomate. Refogue a cebola e os alhos num fio de azeite. Junte os tomates picados e tempere com sal e pimenta. Deixe apurar e regue com o vinho deixando ferver mais alguns instantes. Triture o molho com a varinha mágica e leve novamente ao lume. Disponha as lulas recheadas no molho e cozinhe tapado, em lume brando, durante cerca de 20 minutos, mexendo ocasionalmente, até as lulas estarem tenras e o molho bem apurado. Retire do lume e polvilhe com coentros picados. Sirva com batata frita ou puré de batata (ver receita) e uma salada de folhas verdes.

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Rolo de Carne Recheado com Farinheira e Maçã


E para inaugurar o primeiro dia de Dezembro, começo hoje com lindas e simples sugestões para a mesa de Natal e para os jantares entre amigos que antecedem a quadra natalícia! Desde os simples petiscos e entradas, passando pelos morosos assados, acompanhamentos especiais, bolos e sobremesas ou mesmo pequenos miminhos para colocar na mesa, vou tentar publicar um pouco de tudo para que este Natal a mesa seja farta e variada! Eu gosto sempre de fugir ao tradicional, acho que é uma altura fantástica para experimentar pratos novos, doces especiais e comer daqui e dali com lindos e saborosos petiscos! Espero que gostem das sugestões e vão deixando as vossas opiniões e sugestões! Hoje começo na categoria de Carnes com mais um rolo de carne! Este sim, cheira a Natal!


Rolo de Carne Recheado com Farinheira e Maçã

INGREDIENTES (6 PESSOAS)
500g de Carne de novilho picada
500g de Carne de porco picada
1 Farinheira regional
1 Maçã vermelha
2 Cebolas picadas
200g de Pão duro
1 Cenoura
4 Dentes de Alho
1 Punhado de Salsa
1 Ramo de Tomilho
½ Colher (chá) de Sementes de funcho
1 Ovo
Azeite, Sal e Pimenta preta

PREPARAÇÃO
Refogue as cebolas num fio de azeite e deixe arrefecer. Na picadora, triture o pão, a cenoura, os alhos, a salsa, as folhinhas de tomilho e as sementes de funcho. Junte esta mistura às carnes picadas e adicione também o ovo. Tempere com sal e pimenta e envolva tudo muito bem. Entretanto, retire a pele à farinheira e corte a maçã em pequenos cubos. Reserve. Estenda película aderente sobre a bancada, disponha sobre ela a mistura de carne e forme um retângulo espalmado. Disponha no centro e a todo o comprimento, o recheio da farinheira e a maçã. Enrole com a ajuda da película e transfira o rolo para uma assadeira, retirando cuidadosamente a película. Pincele o rolo com um fio de azeite e leve ao forno pré-aquecido a 200º durante cerca de 50 minutos. Sirva com arroz ou batata frita e uma salada mista.


segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Festival da Batata Doce de Aljezur 2015 - Polvo Frito com Puré de Batata Doce e Chouriço Crocante

E foi com grande orgulho que no passado fim-de-semana, dia 29 de Novembro de 2015, representei mais uma vez a minha linda Costa Vicentina e os seus magníficos produtos no grande Festival da Batata Doce realizado em Aljezur! Tive a honra e o prazer de ter sido convidada para realizar um showcooking no grande Palco Cozinha do Festival, onde confeccionei um prato da minha autoria em que as estrelas foram exclusivamente tesouros da Costa Vicentina e, claro, a magnífica batata doce certificada de variedade lira! O prato escolhido para o evento foi Polvo Frito com Puré de Batata Doce e Chouriço Crocante! Um prato que surpreendeu tanto pela junção de ingredientes como pelo modo de confecção! Por um lado temos o polvo da rocha, um tesouro desta costa, um polvo muito escuro, tenro e cheio de sabor a mar! Por outro, temos a batata doce, que dispensa qualquer tipo de apresentação, simplesmente a melhor batata doce do mundo, transformada num puré que contrasta na perfeição com o sal natural do polvo! Por último e não menos importante, o toque final dado pelo magnífico chouriço que se faz nesta zona rica em produtos de qualidade! Um prato simples mas que encantou! O feedback do público foi fantástico, o que nos ajuda a ter força e a continuar com o nosso trabalho! Aproveito para a agradecer todo o apoio dado pela organização que tiveram sempre disponíveis e que nos receberam de braços abertos! Um muito obrigado ao Chefe de Cozinha Vítor Esteves, que sempre me apoiou e que acredita no meu trabalho, dando-me assim a oportunidade de poder dar o meu melhor neste tipo de eventos! Acima de tudo, o mais importante é fazermos aquilo que realmente gostamos e dedicar-lhe muito amor!
 





Para já, deixo-vos a receita que foi confeccionada em directo e degustada por inúmeras pessoas que tiveram a oportunidade de assistir ao showcooking! Espero que se divirtam tanto como eu a confeccionar esta receita, que gostem e que passe a fazer parte do vosso reportório culinário!

POLVO FRITO COM PURÉ DE BATATA DOCE E CHOURIÇO CROCANTE
 



INGREDIENTES (4 PESSOAS)
2 Polvos da rocha (1,2Kg/1,5Kg cada)
6 Dentes de Alho esmagados
1Kg de Batata doce
1 Chouriço de carne regional
Azeite, Sal e Pimenta preta
Coentros

PREPARAÇÃO
Escorra muito bem os polvos e corte-os em pedaços com cerca de 4cm. Reserve. Regue generosamente o fundo de uma frigideira com azeite e leve ao lume. Junte os alhos e os pedaços de polvo, envolva e deixe cozinhar em lume forte, mexendo frequentemente, até o polvo estar caramelizado e o molho bem reduzido. É muito importante utilizar polvo da rocha com o peso certo, para que este fique tenro, suculento e com a tonalidade certa para este prato. Entretanto, prepare o puré de batata doce. Coza as batatas, previamente descascadas e cortadas em pedaços, em água com sal. Escorra, reduza a puré e junte um fio generoso de azeite, mexendo até obter um puré mais fofo. Tempere com pimenta e envolva um bom punhado de coentros picados. Reserve. Corte o chouriço em rodelas grossas e toste-as de ambos os lados numa frigideira quente. Retire, pique grosseiramente e reserve. Sirva o polvo frito com o puré de batata doce e guarneça com o chouriço picado e algumas folhas de coentros.

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Congada (Feijoada de Congo Africana)


De regresso às origens... hoje trago sabores quentes de África! Uma linda e reconfortante feijoada de feijão congo para aquecer a alma, pois parece que o Inverno resolveu chegar! Para quem não conhece, o feijão congo é um feijão arrendondado, pequeno e acastanhado de origem africana! Com sabor acentuado, este feijão faz as delícias dos amantes de feijão e de feijoadas bem apuradas! Pode ser comprado em algumas mercearias ou tremoceiras! Sabe sempre bem um bom prato de comida africana!


Congada (Feijoada de Congo Africana)
 
INGREDIENTES (6 PESSOAS)
1,5Kg de Carnes diversas (porco, novilho e frango)
500g de Feijão congo seco
1 Cebola picada
6 Dentes de Alho picados
400g de Tomate pelado
50ml de Vinho branco
½ Colher (chá) de Cominhos
½ Colher (chá) de Paprica
2 Folhas de Louro
1 Chouriço de carne regional
1 Morcela regional
2 Colheres (sopa) de Óleo de palma
Sal e Pimenta preta
Coentros

PREPARAÇÃO
De véspera, coloque os pedaços de carne numa vasilha, tempere com sal e reserve no frio. Coloque o feijão a demolhar por cerca de 12 horas. No dia de cozinhar, coloque as carnes num tacho e junte o chouriço de carne inteiro. Cubra com água, leve ao lume e deixe cozinhar tapado até a carne estar tenra e macia. Escorra, reservando a água da cozedura, e corte as carnes em pedaços e o chouriço em rodelas. Coloque o feijão previamente escorrido na panela de pressão e junte as folhas de louro e um fio de azeite. Cubra com água e cozinhe por 20 minutos, depois de levantada a fervura. Passado esse tempo, retire a pressão e verifique se o feijão está cozido. Reserve o feijão com o caldo da cozedura e retire as folhas de louro. Num tacho, aqueça o óleo de palma e refogue a cebola e os alhos. Junte os tomates picados, o vinho, os cominhos, a paprica, tempere com sal e pimenta e deixe apurar. Adicione o feijão e um pouco do caldo da sua cozedura. Envolva e deixe cozinhar tapado em lume brando, mexendo ocasionalmente. À medida que o molho apura, acrescente algumas conchas do caldo reservado das carnes e do feijão, até os ingredientes estarem bem ligados. Aproveite para acertar o sal tendo em conta o sal libertado pelas carnes e enchidos. A meio da cozedura, envolva parte das carnes cozidas e introduza a morcela previamente picada com um palito. Quando estiver cozinhada, retire a morcela e corte-a em rodelas grossas. Disponha numa travessa juntamente com as restantes carnes e o chouriço de carne. Guarneça a feijoada com folhas de coentros e sirva com a travessa de carnes e enchidos. Acompanhe com arroz branco.